quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Moradores de Seropédica reclamam de lixão

Os cidadãos que vivem no bairro Boa Esperança reclamam do lixão que existe na região. Os moradores sofrem de problemas de pele e respiratórios.

2 comentários:

  1. Lixo é um problema mundial. E infelizmente foi e ainda está sendo tratado com descaso pelo poder público. Esse fato que ocorre em Seropédica é o mesmo daqui de Itaboraí, com a diferença de que lá é assumida a condição de lixão há mais de 50 anos. Aqui, temos um lixão denominado aterro sanitário. Lixo é algo milionário, nunca pude imaginar uma coisa dessas. Nessa reportagem foi dito que a usina de reciclagem não funciona.Aqui também, a coleta seletiva que é o primeiro passo para o trabalho na usina de reciclagem também não funciona. O CTR que estão querendo implantar na cidade de Itaboraí se baseia em muita grana, porque lixo é lucrativo. Mais ainda se ele não for reciclado, porque quanto mais pesar na balança, maior será a quantidade de lixo disponibilizada e assim renderá mais dinheiro. Coleta seletiva, usina de reciclagem, isso é muito gasto para pouco lucro. Um dos principais problemas gerados é o respiratório, pela quantidade de caminhão entrando naquele espaço para levar lixo, junt com as estradas não asfaltadas. E é extamente o que ocorrerá em Itaboraí. O montante de caminhão trazendo lixo de diversos lugares, sem limites!!! (não haverá fiscalização - isso porque não há no lixão de Itambí)Prejudicará a população em geral, com a grande poluição do ar,e quem sabe do solo e das águas subterrâneas? Sim, aterro sanitário é o menos pior para o TRATAMENTO do lixo, mas que seja feito apenas para o lixo municipal. Itaboraí está vivendo hoje um momento de dificil compreensão. Como pode querer deixar tornar essa cidade o quintal de lixo dos outros!!? Sinceriamente ainda não acredito que isso possa ocorrer. E temos que ter a população mobilizada para evitar esse malefício para a nossa cidade. Onde uma representante da empresa que deseja instalar aqui um consorcio intermunicipal, sendo que ela está toda enrolada na justiça, acusada por vários atos ilegais! E é essa mesma pessoa que desejam entregar o "CTR" de Itaboraí? Como podemos confiar nas meras palavras desses caras que caíram aqui de pára-quedas, sem respeitar a população local, desejando uma mais valia (LUCRO-Dinheiro!!) em contrapartida dos prejuizos gerados a nossa população? NÂO AO LIXÃO!!Devemos lutar contra o lixão de Itambí e contra a vinda do CTR intermunicipal. SIM ao aterro municipal, e que esta faça coleta seletiva e que realize de fato a reciclagem! Isso sim é pensar no meio ambiente!!!

    ResponderExcluir